Número total de visualizações de página

quinta-feira, 28 de maio de 2009

Em Portugal

Viver é difícil,
Em Portugal também.
Houve um tempo agradável,
Quando todos eramos menos
E podíamos viver bem.

Helena

sexta-feira, 22 de maio de 2009

Era noite e estava frio...

Era noite e estava frio.
Mas eu tinha o calor
Do teu corpo no meu corpo.
Era noite e estava frio,
Respiravas ofegante,
Nesse ritmo imparável
De quem dá e recebe.
Era noite e estava frio.
Tu partiste satisfeito.
E eu?
Eu só desejava
Ter de novo
Os teus lábios sobre os meus,
O teu corpo dentro de mim.
Era noite e estava frio
O meu corpo arrefecera,
À espera que voltasses
Num desespero sem fim.
Era noite e estava frio!

Helena


segunda-feira, 18 de maio de 2009

Lembranças


Lembranças
De ti.
Tantas!
Lembranças melancólicas
De um tempo que passou
De um tempo em que te amei
De um tempo em que me dei
De um tempo que perdi!

Helena


Solidão

Solidão.
Sólida.
Só.
Somente.
Só.
Mente.
Sozinha
Só.
Solidão.

Helena

Voar

Voar com asas
Voar em sonhos
Voar para os teus braços
Voar contigo
Amigo
Voar

Helena

Fingir...

Não gosto de fingir.
Nem gosto que os outros finjam.
Nem sempre é forma de mentir,
Apenas fuga à verdade...
Que nos deixa sem defesa,
Perante a crua realidade.

Helena


sexta-feira, 8 de maio de 2009

Heresias

Gosto de economia.
Mas também gosto de poesia.
Não será isto uma heresia?

Helena



segunda-feira, 4 de maio de 2009

Mãe

Minha.
Dos meus irmão tambem.
Mais minha do que de alguem.
Minha,
Minha mãe!

Helena

sexta-feira, 1 de maio de 2009

Há quanto tempo partiste? Não sei.
Há muito.
Só sei que te sinto no meu corpo.
Que te tenho sem te ter.
Que te vejo sem te ver.
Que te oiço sem te ouvir,
Que enlouqueço.
Helena